Como investir melhor: tesouro direto, CDB ou poupança?

Como investir: CDB, Tesouro Direto ou poupança?

Estamos aqui mais uma vez, amigo leitor! Hoje, vamos falar a respeito da dúvida de um de nossos leitores, o César, que nos enviou o seguinte comentário:

Andei pesquisando com amigos e pessoas ao redor, sobre como investir uma grana! Comecei a procurar na internet e descobri esse site. Estou adorando e lendo cada artigo seu. Meus parabéns! Então, achei que a pessoas mais adequada pra me ajudar, seria você! Tenho um valor na poupança guardado pra um projeto daqui há 1 ano. Porém, lendo seu artigo sobre CDB, fiquei muito interessado! E gostaria de saber se você poderia me orientar em qual seria o melhor investimento pra daqui há 1 ano! Desde já agradeço a atenção e mais uma vez parabenizando pelo blog… César.

Primeiramente, agradeço ao César pela participação e pelos elogios. Nós estamos demorando um pouco para organizar os comentários, por isso a demora em te responder.

Sua dúvida é importante, felizmente seu dinheiro está investido e você certamente quer ter um bom retorno, não é isso? Isso, no período de um ano. Primeiro, é você que deve ter em mente quais são os riscos que você pode correr. O crucial é ter uma aplicação financeira eficiente.

Para o seu caso, os melhores investimentos são a Caderneta de Poupança, Certificados de Depósito Bancário e Tesouro Direto.

Poupança

Essa é a opção mais simples, mas também é a que rende menos. Caso você não possua nenhum investimento ou reserva, essa é a melhor opção. Isso porque não existe a cobrança de impostos para essa aplicação, então você não vai perder dinheiro. Então, se você retirar o dinheiro antes deste um ano, não será necessário o pagamento de nenhuma taxa ou tributação; o que costuma acontecer em outros tipos de investimentos, onde é cobrada tributação incidente sobre o lucro.

Então, se você quiser pegar o seu dinheiro sem grandes sustos, fique com a caderneta de poupança.

Os Certificados de Depósito Bancário

Com a variação positiva que está acontecendo sobre a taxa Selic, o CDB’s se mostram como uma boa opção de investimento.

Existem várias modalidades do CDB, mas cada uma delas trabalha com um índice distinto. Alguns deles tem seu lucro definido a partir da variação do câmbio do dólar, como o CDB pré-fixado e CDB DI.

O CDB pré-fixado tem um pércentual de rendimento definido antes da assinatura do termo de adesão. Para quem pretende investir até R$ 20.000,00, vai ter juros e rendimentos consideravelmente baixos.

Enquanto o CDB DI tem seu rendimento calculado de acordo com percentual da variação do CDI. No Brasil, você só consegue ter um bom percentual de rendimento a partir de R$ 30.000,00 aplicados. E, para quem não pretende resgatar o dinheiro antes de um ano, o CDB DI é a melhor escolha. Lembrando: Algumas instituições financeiras tem o percentual do CDB DI tabelado, mas você pode negociar a variação desse percentual de rendimento.

Investimento no Tesouro Direto

Para quem não quer correr riscos e ter um retorno garantido, aplicar no Tesouro Direto pode ser uma ótima aplicação. Você pode realizar uma boa pesquisa no Google de bancos que oferecem esse tipo de investimento com as melhores taxas.
Clique no post Outros investimentos, onde damos boas dicas a respeito de opções de título público. Visite também a página do Tesouro da Fazenda para saber como funciona a rentabilidade do Tesouro Direto.

Não citamos aqui os investimentos de renda variável porque o tempo de investimento do nosso leitor César é curto e não sabemos qual é o montante que ele pretende investir. Espero que com essas dicas, você possa escolher o melhor investimento.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Quer receber dicas sobre como ganhar dinheiro em seu e-mail e "de quebra" baixar o e-book "Manual do Investidor"?

E-mail:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Email
Print